Jornal Itapeva Times Lembro-me Vagamente - Por Danilo Rolim - Jornal Itapeva Times

Lembro-me Vagamente – Por Danilo Rolim

Danilo Rolim 11 de março de 2014
Lembro-me Vagamente – Por Danilo Rolim

Tentar escrever uma história precisa sobre as bebidas é um exercício de futilidade. Tanto pela fluidez do objeto quanto pela inebriação dos sujeitos.

Estou participando de um grupo de estudos sobre a cerveja, batizado de Hildegarda, em homenagem à Santa e Doutora da Igreja que, segundo contam, teria introduzido o uso do lúpulo no processo de brassagem, melhorando a fermentação, aumentando a durabilidade e conferindo o sabor amargo característico da bebida. E é esse justamente o problema. Tudo “teria”, “seria”, “dizem que”, “segundo a lenda”. Não há aquela certeza confiante ao narrar os fatos, como a de Winston Churchill contando os detalhes da Conferência de Ialta em seu livro sobre a Segunda Guerra.

Claro, os diretores da InBev certamente são assessorados por uma equipe devidamente abstêmia capaz de citar diante da mais leve provocação a porcentagem precisa de cereais não maltados usados no que eles chamam de cerveja. É, no entanto, saber quem foi o bebedor corajoso (e sem muito discernimento) que primeiro descobriu que o líquido da infusão (sou sempre criterioso para usar a palavra chá) de grãos semigerminados, deixado para fermentar (uma pessoa menos técnica diria estragar) por dias daria um bom trago é que é o problema.

Muitos dos detalhes, autorias e motivações da longa e rica história da cerveja perderam-se em amnésias alcoólicas, falsas autoatribuições e anotações em papéis irrecuperavelmente molhados. O único consolo é que as nebulosas histórias que sobreviveram ao tempo, ainda que não bem fundamentadas ou que tenham a verosimilhança questionável por consciências muito sóbrias, são normalmente mais interessantes do que a realidade pode ter sido. “Se non è vero, è ben trovato”!

Amêndoas Fritas

- 500g de amêndoas sem casca cruas
- 30 ml de azeite de oliva extra virgem
- sal
- pimenta do reino moída
- páprica picante

Preparo

- Preaqueça o forno a 120ºC por 10min.
- Espalhe as amêndoas em uma assadeira rasa e coloque no forno por 20min, ou até que o interior das amêndoas esteja com um tom beje uniforme.
- Deixe que esfriem à temperatura ambiente, então junte o azeite e misture bem.
- Tempere com sal, pimenta e páprica a gosto. Eu gosto bem picante com uma boa seleção de cervejas.